As soluções em cloud já estão no radar das empresas há algum tempo. Para otimizar ainda mais a gestão, o uso de uma estratégia multicloud já é realidade.

Quem está atento às tendências do mercado sabe que o futuro das empresas passa pela computação em nuvem. Dentro desse contexto, são algumas as estratégias que destacam-se pelos seus benefícios adicionais, a multicloud é uma delas.

Uma estratégia multicloud dá aos gestores de TI flexibilidade máxima para administrar seu capital tecnológico como e onde quiserem. No artigo de hoje iremos falar o que é essa estratégia e cinco oportunidades importantes que a multicloud oferece. Boa leitura!

O que é uma Estratégia Multicloud?

Apesar do nome parecer um pouco complexo, esse é um modelo muito simples de entender. Consiste na adoção de duas ou mais estruturas de computação em cloud públicas, privadas e também nuvem on-promises.

A flexibilidade para escolher diferentes provedores, com distintas configurações e benefícios, é um dos motivos para as organizações aderirem a esse modelo. Essa característica da estrutura multicloud garante uma gama maior de serviços a serem escolhidos, conforme as necessidades de cada projeto. 

Mas essa não é a única razão para prestar atenção nessa tendência, listamos aqui cinco motivos para a sua empresa considerar a adesão dessa estratégia.

1. Governança de dados e aderência a legislação

Estar em conformidade com a LGPD e a GPDR é um dos focos da gestão empresarial. Ambas possuem o foco na proteção e no uso ilegal das informações dos usuários. Essas regulamentações possuem especificidades quanto ao destino e segurança dos dados. Exigências que nem sempre apenas um provedor em nuvem atende. 

Ao escolher uma estratégia multicloud, é possível adotar um segundo provedor, que de maneira eficaz irá preencher as lacunas em sua governança de dados, cumprindo com as exigências de armazenamento de informações em determinadas regiões. 

2. Integração de diferentes serviços

Com o uso de diferentes provedores e tipos de nuvens, é possível integrar os diversos serviços que existem em cada fornecedor. Essa possibilidade de usar diferentes fornecedores e tipos de nuvens, garante um leque maior de opções para o gerenciamento de serviços da nuvem, tornando seu uso mais personalizado, conforme as necessidades da empresa. 

3. Gerenciamento dos riscos

Apesar da gestão em nuvem ser segura, a parceria com apenas um provedor de cloud pode não atender todas as demandas ou especificações de um negócio. Utilizar mais de um fornecedor ajuda a mitigar riscos e aumentar a eficiência e segurança dos serviços. 

Ou seja, ao utilizar o multicloud, essas preocupações irão passar longe das discussões gerenciais. 

Além disso, executar os softwares em múltiplas nuvens, pode ajudar no crescimento da empresa, pois oferece um número maior de produtos, devido a diversidade de fornecimento em nuvem.

4. Maior segurança no armazenamento de dados

Como falamos anteriormente, a segurança de dados é uma preocupação para o mercado. O uso da multicloud é uma forma eficaz de evitar a perda de dados devido a eventuais falhas dos aplicativos em cloud. É também uma maneira de garantir a segurança caso haja algum problema com o fornecedor da nuvem.

5. Qualidade na velocidade das aplicações

O local físico onde um aplicativo é executado tem grande relevância, principalmente quando ele precisa estar conectado a fluxos de dados em tempo real. Dessa forma, nem todas as aplicações podem ser realizadas em determinados tipos de servidor.

Utilizar uma solução multicloud – com servidores em diversas localidades – é uma forma de reduzir o tempo de resposta para os usuários da cloud, que estão fisicamente muito distante da empresa.

Quer saber mais sobre quais as tendências do mercado e como implementá-las no seu negócio? Converse com um dos nossos especialistas e descubra como a Okser pode ajudar a sua empresa a tornar-se mais competitiva e moderna.